Em exame

Sonia Racy

26 Julho 2016 | 01h20

Parece que, desta vez, o problema na Vila Olímpica, no Rio, não foi da Cedae – companhia de água e esgoto da cidade. Ela não teria a culpa toda que, de início, alguns imaginaram.

Certeza, mesmo, são os atrasos na entrega das obras da Odebrecht e da Carlos Carvalho.