Educação suíça

Sonia Racy

02 Outubro 2015 | 01h16

A OMC informou, em comunicado esta semana sobre o comércio mundial, que a situação no Brasil está difícil por conta do “escândalo financeiro de uma grande empresa nacional”.

A quem estranhou a explicação, fonte da organização deu a dica: a versão original falava em “corrupção” mas tento em vista que o diretor-geral da entidade, Roberto Azevêdo, é brasileiro, optou-se por uma pequena alteração no texto.

Em tempo: a empresa mencionada é a Petrobrás.