Ecos pós-Dilma

Sonia Racy

29 de junho de 2010 | 08h55

As cerca de 40 convidadas de Geyse Diniz, que estiveram com Dilma na sexta-feira, afastaram alguns fantasmas durante a reunião. Saíram com a impressão de que ela tentará o caminho do equilíbrio, caso seja eleita.

No entanto, não souberam como a candidata controlará o PT – claramente facetado e fragmentado. Lula usa sua indiscutível popularidade e faz isso com maestria. E ela, como fará?

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.