… e sempre ligado

Redação

07 de novembro de 2008 | 15h50

Sarney tem disposição de sobra, mas é um discreto permanente.
Até hoje, batalha e cuida dos cargos dos “afilhados” empregados na República com empenho de político em início de carreira.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.