Dúvida cruel

Sonia Racy

13 de setembro de 2012 | 01h02

Os réus do mensalão estão em polvorosa – especialmente os já condenados. Disparam telefonemas para saber se o novo ministro do STF, Teori Zavascki, participará do julgamento. “Se ele quiser, o regimento o autoriza a votar – desde que não seja tema já decidido pelo ministro Peluso”, afirmou à coluna advogado de um dos acusados.

Dúvida 2

Mesmo que não entre em campo agora, Teori analisará os recursos que serão apresentados – como os chamados embargos infringentes, que pedem novo julgamento quando há quatro votos pela absolvição.

É aí que mora a esperança dos advogados de defesa.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.