Doria volta a cobrar multa de secretários atrasados

Sonia Racy

03 de janeiro de 2019 | 00h43

 

JOÃO DORIA

JOÃO DORIA. FOTO:WERTHER SANTANA/ESTADÃO

.João Doria marcou a sua primeira reunião como governador, ontem, para as 8h da manhã e pediu pontualidade aos 20 secretários. Quem atrasasse pagaria multa de R$ 200 para entidade beneficente – a exemplo do que ele já fazia com sua equipe na Prefeitura. Recomendou, no encontro, o cancelamento das cerimônias de transmissão de cargos em suas respectivas áreas. Pediu pragmatismo e objetividade, que definiu como marcas da sua gestão.