Dolar áureo

Redação

30 de agosto de 2009 | 06h00

Ao comentar o destino do enfraquecido dólar, semana passada, Gustavo Marin, presidente do Citibank no Brasil, não teve dúvida:

“A hegemonia americana sofreu impacto, sim. Mas está longe o dia em que o dólar vai perder sua condição de moeda-reserva. A exemplo do aureum, que sobreviveu muito tempo à queda do Império Romano.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.