Disfarce?

Sonia Racy

22 Janeiro 2015 | 01h09

Setores do mercado não estão gostando do discurso de alguns governadores, que acenam com a ideia de não honrar compromissos dos antecessores. Casos como os de Brasília, Mato Grosso e Rio Grande do Sul são os que têm chamado mais atenção.

Muitos investidores temem que, por trás da “conversa de austeridade”, esteja o risco de quebra de contratos.