Diretor executivo do Sou da Paz rebate Janaína Paschoal

Sonia Racy

10 de fevereiro de 2017 | 15h00

Ivan Marques, diretor executivo do Instituto Sou da Paz, reagiu com espanto aos recentes tweets de Janaína Paschoal sobre o armamento. A advogada usou a rede social para afirmar que as mulheres no Espírito Santo deveriam usar armas para se defender da violência e de abusos domésticos. A professora também afirmou que a violência cresceu com o desarmamento da população.

Marques afirmou à coluna que as estatísticas mostram que armas dentro de casa “são usada para constranger a mulher, um instrumento de abuso”. Na opinião do diretor da ONG, a atitude da advogada vai contra as evidências científicas do desarmamento“Uma operadora do direito, como a professora Janaína, sabe que a responsabilidade pela segurança é do Estado. E que as instituições têm de ser fortalecidas para fornecer isso”.