DIRETO DA SPFW

DIRETO DA SPFW

Redação

20 de janeiro de 2009 | 06h00

Não foram só as madeixas de Gisele Bündchen que mudaram. Seu apetite pela responsabilidade social aumentou. A top está bancando o plantio de nada menos que 125 mil árvores na gaúcha Nova Horizontina, cidade onde nasceu.

Mas esse será somente o começo: o projeto deve se estender pelo Brasil. iniciando por São Paulo, onde já estão reservadas 25 mil mudas. Números? Gisele não fala jamais neste assunto, assim como não fala de sua vida pessoal. Evitou, inclusive, atender, domingo, durante a SPFW, os telefonemas do namorado Tom Brady.

Decepção para quem queria ver Jesus Pinto da Luz on stage. O moço justifica: não acertou cachê “à altura”. E, assustado com o assédio da imprensa, evaporou antes de Gisele entrar na passarela da Colcci.

O governo de Gilberto Kassab, por sua vez, disse sim ao evento, sendo que, na sabatina fashion, Clóvis Carvalho levou nota máxima. Ao lado do prefeito e dos colegas Marcos Cintra, Caio Carvalho e Sérgio Rondino, o secretário deu a impressão de que iria subir na passarela. Entusiasmadíssimo, mal se conteve na primeira fila do desfile de Fause Haten, que abriu a SPFW.

Leia outras notas no blog da coluna Direto da Fonte

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.