Direto da Flip

Sonia Racy

02 de agosto de 2014 | 01h10

Luiz Schwarcz, da Cia das Letras, afirmou anteontem, durante festa da editora em Paraty, que foi a primeira comemoração junto com a Objetiva. As duas empresas se uniram no início do ano.

Flip 2

Na pista, os mais animados eram o paquistanês Mohsin Hamid e sua mulher, Zhara. O casal se acabou de dançar ao som de Michael Jackson e clássicos da MPB.

Flip 3

Jhumpa Lahiri, escritora inglesa ganhadora do Pulitzer, criticou a política de imigração da Itália, onde vive com o marido e filhos desde 2001. Filha de indianos, a autora disse que está cada vez mais difícil ser imigrante no país.

Flip 4

Jhumpa aproveitou o dia de sol, ontem, para sair de barco com o escritor Andrew Solomon e as respectivas famílias.

Flip 5

Michael Pollan revelou ter amado feijoada, acarajé e – especialmente – moqueca. O escritor americano, crítico da indústria da alimentação, passou uma temporada na Bahia antes de vir a Paraty.

Disse que o Brasil é um dos países onde é possível… observar o compartilhamento do ato de comer.

Flip 6

Paraty nunca falou – e dificilmente falará – tanto russo. Tudo por causa de Vladímir Sorókin. Além de a produção conseguir um intérprete da língua, o mediador da mesa de que o autor participa, Bruno Gomide, é tradutor e coordenador da pós-graduação do Departamento de Russo da USP.

Flip 7

Arlete Cavaliere, professora de Russo na USP e tradutora do livro dele, também estará em Paraty. E a editora 34 trará Lucas Simone, editor e tradutor da língua. /MARILIA NEUSTEIN

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.