Direito de nascer

Redação

08 de fevereiro de 2009 | 06h00

Belo Horizonte saiu na frente: inaugurou a primeira penitenciária do Brasil exclusiva para grávidas.

As condenadas ali serão recebidas a partir do sétimo mês de gravidez. O lugar, sem grades nem algemas, disporá de carcereiras formadas em enfermagem. E as detentas poderão ficar com seus filhos até que completem um ano de vida.

Leia outras notas no blog da coluna Direto da Fonte

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.