Diário noturno

Sonia Racy

21 de fevereiro de 2014 | 01h00

Toda noite, antes de dormir, durante seus dois mandatos no Planalto, gravava áudio relatando os fatos marcantes do dia. A revelação está na que chega às bancas hoje.

O que pretende fazer com o material? Vai transformar em livro, a ser publicado postumamente. Motivo? “É que falo mal de muitos amigos!”, conta.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.