Detalhe nem tão pequeno

Sonia Racy

06 de abril de 2012 | 01h10

Antes de assinar a liberação para licitação de novo satélite de monitoramento da Amazônia, orçado em R$ 750 milhões, Dilma fez questão de saber até como era o algoritmo – passo técnico para realizar a tarefa.

Queria ter certeza de que a chuva não atrapalharia o sinal.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.