Desapego

Desapego

Redação

09 de abril de 2009 | 06h00

Apesar de toda a gritaria das associações contra a lei antifumo, Rogério Fasano, fumante, aplaude. “Além do cliente, a lei protege quem trabalha nos recintos diariamente”, justifica.

Para o restauranteur, o setor deveria se concentrar no combate aos grandes vilões. “Deveríamos nos unir para brigar contra as leis trabalhistas e pela regulamentação da gorjeta, que não é salário”.

A atividade emprega mais que montadoras. Só o Grupo Fasano, quase mil.

Veja também:
Direto da Rússia, Ballet Bolshoi se apresenta no Auditório do Ibirapuera mais imagens
Ricardo Basbaum pilota vernissage na galeria de Luciana Brito mais imagens
Outras notas no blog da coluna Direto da Fonte documento