Desagradável

Sonia Racy

23 de maio de 2011 | 23h04

O caso de uma barata dentro de uma lata de leite condensado da Nestlé chegou ao STJ.

A ministra Nancy Andrighi confirmou decisão do Tribunal de Justiça de Minas, condenando a empresa a pagar R$ 15 mil ao consumidor.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.