Deputados do Solidariedade resistem a assinar a lista do bloco de Baleia

Deputados do Solidariedade resistem a assinar a lista do bloco de Baleia

Paula Bonelli

22 de janeiro de 2021 | 16h42

Paulinho da Força. Foto: Dida Sampaio/Estadão

O deputado Paulinho da Força, presidente nacional do Solidariedade, impôs apoio da bancada ao candidato Baleia Rossi, na eleição para a presidência da Câmara. O resultado é que os deputados não estão assinando a lista formalizando a entrada no bloco do candidato do MDB e aliado de Rodrigo Maia. O tamanho dos blocos define a divisão dos principais cargos da Casa, como os da mesa diretora e comissões, em esquema de proporcionalidade.

Segundo fontes da coluna, a lista passa de mão em mão e continua “estacionada” com poucos adeptos. São necessários 50% dos votos dos deputados da bancada mais um para que o partido seja incorporado formalmente ao grupo de apoio a Baleia. Hoje a maioria dos deputados do Solidariedade, 11 de 15, quer dar seu voto secreto a Arthur Lira (PP-AL), líder do Centrão.

Paulinho da Força terá que gastar saliva para reverter a situação .

O bloco de Arthur Lira tem apoio declarado de 11 siglas, assim como o de Baleia Rossi, mas até agora é maior em número de deputados.  A eleição ocorre no dia 1 de fevereiro.( PAULA BONELLI)

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.