Delação premiada

Direto da Fonte

13 de dezembro de 2012 | 01h07

Nas rodas do jantar de confraternização do Instituto de Defesa do Direito de Defesa, anteontem, instalou-se um debate: Marcelo Leonardo teria se “autoincriminado” ao assinar depoimento de Marcos Valério ao MP mesmo sabendo que ali constava afirmação de que o PT desembolsou R$ 4 milhões para pagar seus honorários? Este dinheiro do PT era de Caixa 2?

Em tempo: todo advogado que acompanha depoimento no MP é obrigado a assinar embaixo a fala do réu-cliente. E foi o que Marcelo Leonardo fez.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.