Deixa ele trabalhar

Redação

02 de maio de 2009 | 10h50

O ministro Joaquim Barbosa tem um horizonte complicado pela frente. É o juiz do STF com maior estoque de processos na fila para decidir. Tem ainda pelo meio do caminho o volumoso processo do mensalão.

E é o nome da vez para comandar o TSE, exatamente durante as eleições de 2010.

Veja também:
documentoOutras notas no blog da coluna Direto da Fonte

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.