Debandada

Sonia Racy

16 de setembro de 2011 | 23h07

O PMDB queria demonstrar unidade no Fórum Nacional do partido, em Brasília, quinta. Mas Sérgio Cabral e Eduardo Paes não deram as caras. Nos bastidores, uma interpretação: os dois estão revoltados com o governo, por conta da divisão dos royalties do petróleo. E acham que a direção do PMDB menospreza os interesses do Rio.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: