De olho em 2014

Sonia Racy

21 de setembro de 2013 | 01h09

Vinte dias depois de assumir a Secretaria de Saúde de Alckmin, David Uip cobrará pessoalmente de Alexandre Padilha, quarta-feira, aporte de R$ 2,7 bilhões para custeio e investimentos. “Exigimos resposta para ofício protocolado no ministério”, diz o secretário.

Já está partindo para a briga? “Não, só queremos o que São Paulo tem direito.”

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: