De facto

Sonia Racy

13 de janeiro de 2012 | 23h11

Volta à tona o caso do ex-doleiro Antonio Claramunt, o Toninho da Barcelona, condenado por crime contra o sistema financeiro. Está na pauta do dia 2, do STJ, o julgamento de recurso especial que quer anular a ação. A defesa argumenta que as investigações começaram via denúncia anônima, além de apontar outras supostas ilegalidades na produção de provas.

O advogado Fábio Tofic diz que é grande a expectativa devido à precedência já observada nas cortes superiores: pelos mesmos motivos, foi suspensa a operação Castelo de Areia.

De facto 2

O resultado pouco muda a vida do réu, que já cumpriu quase toda a pena. Toninho vive em regime aberto e voltou a morar em sua casa, em Alphaville, com a mulher e o filho pequeno. Tenta reestruturar a vida, fazendo trabalhos esporádicos. Rendimentos de imóveis ajudam na sobrevivência.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.