Coxias

Sonia Racy

06 de junho de 2012 | 01h03

Novidade no Masp: o auditório do museu passará a receber temporadas regulares de teatro. Com patrocínio já fechado, apresentará peças de sexta a domingo – um jeito de incrementar o orçamento, aproveitando a escassez de salas em São Paulo.

Reformado há cinco anos, o local passou por pequenas adaptações para receber até 374 espectadores. A estreia é dia 22, com Camille e Rodin, de Elias Andreato.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.