Coral

Sonia Racy

18 de outubro de 2014 | 01h04

Makoto Ozone, pianista japonês, levou o público da Sala São Paulo a… cantar, anteontem. Depois de ser efusivamente aplaudido, no fim da apresentação, voltou ao palco. No bis, tocou pot-pourri, misturando Bach e Chega de Saudade, de Tom Jobim.

A plateia entrou na parte da bossa nova – a pedido do músico.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.