Conversar ofende?

Sonia Racy

05 Abril 2011 | 23h10

O Bradesco tem conversado, discretamente, com o Citi do Brasil. Esta seria a razão indireta pela qual o banco da Cidade de Deus teria pedido, e conseguido na semana passada, autorização para o BC expandir de 15% a 45% seu volume de ações ordinárias. No mercado, fala-se de algum tipo de “parceria” entre as instituições.

Ambos os bancos negam haver sequer conversas.