‘Conseguir me aposentar com a minha esposa’ é desejo de taxista para 2019

‘Conseguir me aposentar com a minha esposa’ é desejo de taxista para 2019

Sonia Racy

25 de dezembro de 2018 | 00h30

JOSÉ GERALDO DE SOUZA. FOTO: ARQUIVO PESSOAL

José Geraldo de Souza

Em um balanço do que foi 2018 e do que se espera para 2019, a coluna ouviu seis personagens da vida paulistana. Eles falam de seus sonhos pessoais e de suas esperanças para o Brasil. Aqui, o motorista de táxi José Geraldo de Souza pede “melhoria na saúde” e adverte que as redes sociais não vão mudar “se não houver evolução humana”.

Qual o grande sonho para o Brasil que você quer ver realizado em 2019?
O meu grande desejo é a melhoria na saúde pública, que a gente tenha um País justo e com menos corrupção, no qual apenas quem precise realmente ter ajuda do governo seja beneficiado.

O novo governo está chegando. Está claro o que será?
Sim, está! Estou confiante.

Se a promessa de nossos bolsos estarem mais cheios em 2019 se concretizar, qual seu sonho de consumo?
Quero finalizar a construção da minha casa, em São José do Rio Preto, cidade onde minhas netas moram. Também realizar sonhos pessoais que hoje não consigo concretizar.

As redes sociais estão tendo uma influência enorme. No que elas podem melhorar?
Se não houver evolução humana não consigo ver as redes sociais com melhorias.

Na estrada da vida, qual escolhe: o da esquerda, o da direita ou o do meio?
Prefiro o do meio, pois assim consigo ter opções.

Seu livro de cabeceira?
Não me interesso por livros, gosto de rádio e noticiário.

Um exemplo de vida?
O José Geraldo do passado! Passei por muitas dificuldades quando criança! Na situação do meu passado, não imaginei chegar onde estou hoje.

Um propósito?
Conseguir me aposentar com a minha esposa e poder usufruir tudo o que construímos. Graças aos nossos esforços e ajuda de pessoas especiais

Tendências: