Conama reduz conselheiros de 100 para 22 membros

Sonia Racy

28 de maio de 2019 | 22h05

O presidente Jair Bolsonaro assinou, nesta noite, decreto para dar maior eficiência e racionalidade ao funcionamento do Conselho Nacional do Meio Ambiente. Hoje, o conselho tem 100 titulares e 100 suplentes. Esse número será reduzido para 22 membros respectivamente mantendo-se a proporcionalidade das representações existentes.

Pelo que se apurou, o órgão colegiado, fundado em 1981, jamais sofreu grandes alterações. Essa seria a primeira de uma série para modernizar o órgão cuja função é fixação de normas e padrões a serem observados pelos utilizadores de recursos ambientais.