Como era

Sonia Racy

17 Outubro 2015 | 00h51

O atelier de Sérgio Camargo será reproduzido na exposição do artista que o Itaú Cultural abre dia 28 de novembro.

O público poderá visitar a réplica do espaço que ele deixou: com instrumentos de trabalho e até uma bandeira de seu time, o Fluminense, na parede.

Como era 2

Já a exposição O Tempo e Eu (e vc) – que abre terça, no Museu da Língua Portuguesa – contará com representação da biblioteca de Câmara Cascudo.

Cerca de 20 mil livros foram resgatados de sebos e da indústria para a composição do espaço. A Any Any vai prestigiar o etnógrafo reproduzindo o pijama usada por ele.