Começo, meio e…

Sonia Racy

25 de agosto de 2012 | 01h11

Se o julgamento do mensalão corresse na Corte de Haia não haveria aposentadoria compulsória que tirasse o ministro Cezar Peluso da votação.

A juíza brasileira Sylvia Steiner, do Tribunal Penal Internacional, teve seu mandato expirado em março. Mas deve ficar mais oito meses no cargo, até que se conclua o julgamento do caso sobre Jean-Pierre Bemba, antigo vice-presidente do Congo.

Isto graças a uma norma do Estatuto de Roma, que obriga juízes a concluírem os trabalhos que iniciaram.