Com pandemia, 60% das mulheres preveem condições desfavoráveis na carreira, diz pesquisa

Com pandemia, 60% das mulheres preveem condições desfavoráveis na carreira, diz pesquisa

Sonia Racy

10 de novembro de 2020 | 13h32

Foto: Daniel Teixeira/Estadão

Pesquisa global da Deloitte investigou o impacto da pandemia nas mulheres que trabalham fora. De acordo com o relatório, 82% das mulheres entrevistadas disseram que suas vidas foram afetadas, além de confirmar impactos negativos no equilíbrio entre bem-estar e trabalho.

E cerca de 60% têm dúvidas se querem continuar nas empresas em que estão empregadas. Preveem condições desfavoráveis para conseguir crescer na carreira.

 Dentro de casa? 65% citam que a responsabilidade pelas tarefas domésticas aumentou e 39% sentiram impacto na saúde mental. Das 400 pessoas entrevistadas, 45 são brasileiras.

Tudo o que sabemos sobre:

carreirapesquisa deloittepandemiaglobal

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: