Cockpit

Sonia Racy

19 de setembro de 2012 | 01h05

Bruno Senna não entendeu a declaração de Toto Wolff, da Williams, sobre sua “permanência incerta” na equipe em 2013.

O piloto tem quase o mesmo número de pontos de seu companheiro, Pastor Maldonado – apoiado pela PDVSA.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.