Cinco chaves

Redação

25 Setembro 2008 | 08h52

Lula não vai revelar sua opção ao receber, terça-feira, as cinco propostas apresentadas pela comissão interministerial encarregada de estudar mudanças no marco regulatório do setor de petróleo. Com vistas à exploração da camada pré-sal. “Ele só vai fazer isto depois das eleições”, contou Edison Lobão, durante almoço com cerca de 20 empresários e banqueiros, em sua homenagem, terça-feira, na casa de Silvia e Roberto Duailibi. O empresário conhece o ministro há 30 anos, em conseqüência de suas visitas ao ramo da família Duailibi que vive no Maranhão.

Das cinco opções, uma é originária da Petrobrás, outra do Ministério da Fazenda e uma terceira, da ANP. “Só deixa claro aí: todas elas vão respeitar contratos já assinados”, pede.

Liberação do FGTS para acompanhar opção de aumento de capital da Petrobrás? “Isto sequer foi debatido pela comissão…não sei de onde veio.”