Cerco ao radicalismo

Redação

28 de maio de 2009 | 16h20

Por esta os grupos neonazistas não esperavam. O deputado Marcelo Itagiba acaba de criar uma comissão externa na Câmara para acompanhar as investigações das redes neonazistas no País. A ser comandada por ele.

Poderá começar por um festival mundial de música skinhead marcado para dia 6, em Macaé, no Estado do Rio, que está sob fogo cerrado: organizações antifascistas já se mobilizam contra.

O blog oficial do festival nega inspirações fascistas e neonazistas mas destaca, como sua principal atração, a banda Endstufe, famosa por divulgar material nazista na Alemanha. Todo ele de ataques a negros, judeus e estrangeiros.

Veja também:
mais imagensRoberto Carlos comemora 50 anos de carreira com show Elas cantam Roberto
mais imagensGaleria Vermelho tem estreia de exposição em dose dupla, de João Loureiro e Angela Detanico e Rafael Lain
mais imagensA homenagem das cantoras ao Rei no show Elas cantam Roberto

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.