Cena suis generis

Sonia Racy

18 de agosto de 2010 | 23h01

Morador de rua entrou anteontem em uma Drogasil no Paraíso. Sujo e esfarrapado, andou em direção ao caixa. Ali, depositou uma moeda no cofre da AACD e saiu. A atendente da farmácia diz que o homem repete a cena todos os dias.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.