CCJ da Câmara viveu seu ‘dia nacional da maternidade’

Sonia Racy

08 Junho 2018 | 00h50

A CCJ da Câmara viveu, anteontem, seu “dia nacional da maternidade”. Foram aprovados três projetos: um que impõe medidas de segurança para trocadores de fralda e outro que obriga o SUS a fornecer ácido fólico a gestantes. O terceiro garante apoio psicológico a mulheres após o parto.

Leia mais notas na coluna:

Empresários disputam agendas de Mauro Benevides, de Ciro, e Paulo Guedes, de Bolsonaro

Procuradores do Rio querem impedimento de Gilmar na Operação Jabuti