Casa vazia

Redação

30 de dezembro de 2008 | 06h00

Em Belo Horizonte, ao contrário de São Paulo, o eleito Márcio Lacerda conseguiu inovar para marcar o seu primeiro dia no cargo.

“Dia 1º não é dia de ninguém se ocupar dessas coisas”, diz ele. E avisou a secretários e auxiliares que não precisam ir à posse.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: