Casa nova?

Sonia Racy

30 Julho 2016 | 01h55

Marcelo Calero avalia transferir a Cinemateca para o comando do Ibram, hoje presidido por Marcelo Araújo.
Como se trata de instituição dedicada à preservação do patrimônio, o ministro entende que ela estaria assim melhor inserida e fortalecida – do ponto de vista institucional.

Casa velha

Pelo que se apurou, o ministro avalia também tornar sem efeito cinco das exonerações decididas na Cinemateca – uma delas a da diretora da instituição, Olga Futemma.

A pelo menos um interlocutor o ministro explicou que são quadros técnicos, pessoas cujo perfil não se encontra entre servidores de carreira do Ministério.