Cara nova

Cara nova

Redação

21 de dezembro de 2008 | 06h00

Carolina Brandão

Foto: Paulo Giandalia/AE


O namoro de Carol com o balé clássico começou cedo, aos 3 anos. E dura até os dias de hoje, sem brigas conjugais. A bailarina treina cerca de seis horas diárias, alternando clássico e dança contemporânea. “A técnica do balé prepara o corpo para todos os tipos de exercícios”, diz. Para o ano que vem, Carol reserva o espetáculo O Animal Mais Forte do Mundo. Dos coreógrafos Angelo Madureira e Ana Catarina Vieira.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: