Caminhar é preciso

Sonia Racy

19 de dezembro de 2012 | 01h03

Andrés Sanchez tem conversado com cartolas e dirigentes de federações pelo Brasil – de olho no comando da CBF, em 2014.

Inclusive com Juvenal Juvêncio.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.