Boni demais

Sonia Racy

03 de março de 2014 | 01h01

Homenageado da Beija-Flor neste carnaval, Boni deu só uma passadinha no evento do amigo. À coluna, o ex-diretor da Globo afirmou ter acompanhando todo o processo de criação do enredo de perto.

Um dia antes do desfile, passou no barracão da escola e ficou preocupado por ter “Boni demais” nas alegorias, ao contrário do que imaginava. “Eu não dou samba. Mas me convenci a aceitar o convite quando soube que iam contar a história da comunicação”, disse.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.