Bolsonaro agradece a funcionários do Einstein

Sonia Racy

06 Novembro 2018 | 00h27

JAIR BOLSONARO

JAIR BOLSONARO. FOTO: IGO ESTRELA/ESTADÃO

Ontem, durante o lançamento da pedra fundamental do Instituto de Ensino e Pesquisa do Hospital Albert Einstein – investimento da ordem de R$ 600 milhões – foi exibida ao vivo, no telão, longa fala de Bolsonaro.

O presidente eleito agradeceu à Casa de Misericórdia de Juiz de Fora e ao hospital paulistano pelo fato de estar vivo. Citou nominalmente enfermeiros e depois os médicos responsáveis por ele durante a internação.

Bolsonaro parabenizou os presentes por acreditarem no Brasil e assim fazerem doações para que dois prédios sejam construídos em terreno também doado pela família Szajman.

Os anfitriões, Sidney Klajner e Claudio Lottenberg, presidente executivo e do conselho respectivamente, ficaram felizes com os aplausos do auditório do hospital.

O projeto dos prédios novos é do reconhecido arquiteto americano Moshe Safdie e a construção, da Racional.

Leia mais notas da coluna:
‘Não creio que vivemos uma caça às bruxas’, diz Maria Bonomi
Sergio Sá Leitão explica modelos da Cultura em outros países