Boechat viveu jornalismo ‘direto na veia’

Boechat viveu jornalismo ‘direto na veia’

Sonia Racy

12 de fevereiro de 2019 | 00h34

RICARDO BOECHAT. FOTO: NELSON ALMEIDA / AFP

A imprensa perdeu ontem um grande comunicador. Ricardo Boechat vivia jornalismo direto na veia, vibrando com a notícia. Independente, crítico, inteligente, mordaz, equilibrava diversos pratos todos os dias – radio, TV, coluna semanal– com a justificativa de que tinha seis filhos para criar.

Só uma coisa ele jurava que não voltaria a fazer. “Essa coisa sua (da colunista), de coluna diária, é pra maluco”.

Em tempos de polarização e mediocridade, sua voz sensata e corajosa fará muita falta.

Leia mais notas da coluna:
Banqueiro Fernão Bracher morre de enfarte no Einstein
Vale define indenizações às famílias das vítimas

Tendências: