Boca fechada

Sonia Racy

15 de maio de 2012 | 01h09

Atendendo à convocação, Cachoeira vai depor na CPI – o que deve acontecer hoje.

Márcio Thomaz Bastos avisa: “Vou aconselhar meu cliente a ficar em silêncio respeitoso até que tenhamos acesso a todo o material probatório. Afinal, vivemos em um estado de direito…”

Boca fechada 2

Indagado após o jogo do Santos, domingo, José Eduardo Cardozo não quis comentar o caso Cachoeira. Pouco antes de adentrar o gramado do Morumbi – para acompanhar os meninos da Vila –, repetiu refrão adotado por boa parte dos ministros de Dilma. “A CPI é do Poder Legislativo, e o governo não vai interferir ou opinar”.

Em tempo: Cardozo é torcedor do São Paulo.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.