Bitcoin segue caindo e perde espaço no mercado de criptoativos

Bitcoin segue caindo e perde espaço no mercado de criptoativos

Sonia Racy

09 de junho de 2021 | 00h40

Foto: Pixabay

O valor da Bitcoin está desacelerando (ontem caiu mais 10%) antes mesmo de muitos saberem para que serve a moeda. E tem gente apostando que ela vai perder frente no mercado de…criptoativos.  

 Neste ano, a bitcoin chegou a subir 100% e hoje, mesmo que ainda no positivo, está somente 9% acima de 2020.

 Em 2021, até Elon Musk, grande fã e comprador da Bitcoin, deu a mão à palmatória e soltou um tweet… contra a moeda.  O empresário afirmou publicamente que a Tesla suspenderia a aceitação da moeda digital no pagamento de seus carros elétricos, em razão do “uso crescente de combustíveis fósseis para mineração de Bitcoin” e restrições regulatórias da China.  

 Pombal 

 Aliado de Doria notou ontem na reunião executiva do PSDB para definir o modelo das prévias em 2022: interlocutores de Eduardo Leite e Aécio Neves defenderam maior peso para os votos de dirigentes do partido. 

 Lente do bem 

 Inspirada na iniciativa 100 fotos por Bergamo, replicada mundialmente no começo da pandemia, a versão brasileira traz 41 fotógrafos que cederam uma imagem de seu acervo para ajudar famílias carentes.  

 Por R$250 cada, as fotos podem ser obtidas até o dia 27, pelos canais do projeto clicksdeesperanca, promovido pelo Instituto C.

Dando a letra  

 Gabriela Prioli lança seu primeiro livro, intitulado Política É Para Todos. Na obra, a advogada e influencer – com quase 2 milhões de seguidores – responde a questões sobre o espinhoso universo político, que muitas vezes as pessoas têm vergonha de perguntar.  

 Entre outros assuntos, o livro detalha como funciona uma República Federativa, as diferenças entre autoritarismo e democracia e as atribuições de cada um dos três poderes. Editado pela Cia. das Letras, entra em pré-venda a partir de amanhã. 

 Relembrar é viver  

 Fernanda Takai e John Ulhoa fazem show online neste sábado. O casal vai apresentar repertório do Pato Fu em formato intimista, com ao menos uma canção de cada álbum autoral já lançado. Os dois também dão start nas comemorações de 30 anos da banda, completados no ano que vem. Pela plataforma #CulturaEmCasa.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.