Bicho do atchiiim

Sonia Racy

16 de maio de 2011 | 23h15

O Brasil pretende aplicar R$ 350 milhões, até 2012, na ampliação da fabricação de vacinas. Para se ter uma ideia, em toda a América Latina somente o Instituto Butantã tem medicamento deste tipo contra gripe. A informação foi dada à Margaret Chan, da OMS, por Alexandre Padilha, em reunião domingo, em Genebra. O ministro da saúde quer incluir o Brasil no grupo de países top na identificação de vírus e criação de vacinas contra a gripe.

E na mesma conversa, convenceu Chan a participar da Conferência Mundial sobre os Determinantes Sociais da Saúde, que acontecerá no Rio, em outubro.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.