Bandeira branca

Sonia Racy

29 de setembro de 2012 | 01h05

Luiz Fux duvida que a briga de Marco Aurélio Mello e Joaquim Barbosavá render. “Ele ainda vai ser cabo eleitoral do Joaquim”, declarou à coluna.

O relator do mensalão assume o comando do STF em novembro, no lugar de Ayres Britto.

Bandeira 2

Vale lembrar que os dois cariocas bateram boca em 2011. Fux pediu desculpas. “Foi o único homem que já esperei na porta de um banheiro”, conta.

A paz foi selada com abraço.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.