Avesso do avesso

Sonia Racy

12 de julho de 2014 | 01h10

Os gringos estão apostando na alta da bolsa brasileira, enquanto os investidores locais, não. A posição “comprada” dos estrangeiros, em contratos de índice futuro na Bovespa, chegou ontem a 101 mil.

Somados, significam mais do que R$ 5,5 bilhões na modalidade – perto do recorde histórico no que se refere a aplicações de fora. Na outra ponta, a dos “vendidos”, estão os investidores nacionais.

Pergunta: o que eles estão vendo que os brasileiros não conseguem enxergar?

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.