Avesso do avesso

Sonia Racy

27 de maio de 2011 | 23h04

A coordenadora do Procon em Suzano pode levar um “procon” na cabeça. Adelia de Jesus Soares já cumpriu duas suspensões no Tribunal de Ética da OAB. E a terceira está a caminho. Se esta última se efetivar, está instaurado automaticamente seu processo de exclusão da Ordem.

Indagada, a advogada Jesus Soares tem fé: diz acreditar no arquivamento da denúncia.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.