Avanço

Sonia Racy

08 de setembro de 2012 | 01h08

Alento para os mais de seis milhões de brasileiros deficientes visuais. Com carimbo do Inmetro, o governo federal se organiza para construir sete centros dedicados a instrutores de cão-guia até 2014.

O primeiro fica de pé ainda este mês, em Camboriú.

Avanço 2
Hoje há apenas dois – um em São Paulo e outro no Rio – habilitados para a tarefa.

A medida pretende, também, melhorar a vida dos instrutores, que precisam até se deslocar para outros países em busca de capacitação.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.