Ato ecumênico marca na Sé 70 anos da Declaração dos Direitos Humanos

Ato ecumênico marca na Sé 70 anos da Declaração dos Direitos Humanos

Sonia Racy

09 Dezembro 2018 | 00h55

CATEDRAL DA SÉ. DIVULGAÇÃO

Ato inter-religioso toma conta da Praça da Sé, amanhã, para a comemoração dos 70 anos da Declaração Universal dos Direitos Humanos.

Participam do evento Dom Odilo Scherer, o rabino Alexandre Leone, o sheik Mohammed Al Bukai, Lya Adriana de Nanã e o cacique Adolfo Timóteo, entre representantes dos diferentes cultos.

Leia mais notas da coluna:
Se não entrar pedra no caminho, Meirelles será secretário da Fazenda de Doria
Indígenas pedem que Funai fique no Ministério da Justiça